13 julho 2009

PAPA APROXIMA-SE DAS SEITAS DA PROSPERIDADE


ATESTADO PROGRESSISTA (Título da matéria de VEJA)

Em sua nova encíclica, o papa Bento XVI surpreende ao reconhecer o papel do lucro na produção da riqueza e os méritos do capitalismo globalizado (Sub-título da reportagem de Leandro Beguoci à revista VEJA)




A maioria do mundo cristão sabe muito bem que as seitas da Teologia da Prosperidade consideram a pobreza e a dificuldade financeira como pecados ou demônios que precisam ser exorcizados, para que se tenha sucesso na vida. Preconizam a doutrina de que a riqueza material é um sinal evidente da bênção de Deus. O padrão dessa nefasta doutrina se mede pelo TER. Dessa forma, quanto mais abençoado for o indivíduo, mais prosperidade econômica terá.


Os arautos da teologia da prosperidade encontraram, agora, um grande companheiro de jornada. O Papa, através de sua última encíclica, “Caritas in Veritate”, surpreendentemente, atesta o lucro e a riqueza como méritos indiscutíveis que todo o cristão deve desfrutar.


Uma recente reportagem sobre esse assunto encontra-se na revista “Veja” que saiu nas Bancas de Jornais no último domingo (12 de julho), com o título: “Atestado Progressista”. Esse fato constitui-se numa grande surpresa, pois, os Papas anteriores a Bento XVI, sempre demonizaram o sistema capitalista.


Na encíclica, Bento XVI, além de discorrer sobre amor carnal e amor espiritual, afirma que “a religião precisa sempre ser purificada pela razão”. Diz ainda que “as conseqüências da falta de Deus no dia a dia são as condições precárias de trabalho de milhões de pessoas espalhadas pelo mundo” ─, desconhecendo que o próprio Cristo não teve onde repousar a cabeça. O Papa dá a entender que as suas propostas, se aceitas, irão trazer influências positivas para o enriquecimento das nações.


É de se supor que, a mola propulsionadora desse discurso papal tenha sido a crise econômica mundial que começou lá nos EUA, e atingiu toda a Europa. Quem sabe, se essa crise não foi o motivo maior para que o papa desse essa guinada fenomenal. Com certeza os custos crescentes e os lucros descendentes dos investimentos imobiliários evaporaram os dólares do Banco do Vaticano. Como os cardeais financistas da Casa de São Pedro não podem imprimir moedas, a única solução que encontraram, momentaneamente, foi a de pedir socorro ao deus da prosperidade financeira.


Diante de tudo isso não vejo outra alternativa para recuperação das finanças do Vaticano, que não seja a de contratar PhDs telepastores da prosperidade que infestam o nosso país, para dar aulas ao Sumo-Pontífice e seus cardeais, sobre como arrecadar rios de dinheiro em nome de “Deus”. O Brasil nesse ponto tem sido pródigo.




Guarabira, 13 de julho de 2009

Por Levi B. Santos



6 comentários:

Guiomar Barba disse...

Por outro lado como o vaticano vai justificar o luxo em que ele se deita? S. Pedro só figura para ele quando Jesus lhe disse: "Pedro tu és pedra e sobre esta pedra edificarei a minha igreja e as portas do inferno não prevalecerão contra ela." A profissão de pescador só lhe interessa quando refere-se a "pesca" de almas...
Hipócritas, sepúlcros caiados...

Levi Bronzeado disse...

Prezada irmã Guiomar Barba

É indubitável, que a ríquíssima Santa Sé, antes de Bento XVI, hipócrita e paradoxalmente, combatia o grande capital, e que hoje, para se recuperar da crise que assola os seus domínios, bandeou-se de mala e cuia para o lado dos grandes capitalistas

Sabe porque ela deu essa guinada a favor do capitalismo?

Unicamente, para sensibilizar os investidores a aplicarem os seus recursos no Banco deficitário do Vaticano.

Além dos juros reais, os financiadores de Roma, serão duplamente abençoados pelo Deus do Pontífice,da mesma forma como agem os arautos da teologia da prosperidade, aqui nas terras de Dom João VI.

Para os pobres que a Igreja tanto ama: ficam apenas os belos discursos.

Graça e Paz,
Levi B. Santos

Avelar Jr. disse...

Sabe que eu nem me surpreendo?

Novidade para mim vai ser quando o Papa se converter ao cristianismo, vender o Vaticano e doar o dinheiro para as Pastorais que cuidam dos pobres.

Os papas nunca têm aberto a... "caneta" para escrever uma coisa cristã; e, quando o fazem, não saem das páginas rasas das encíclicas para a prática.

Há algum tempo fecharam o "limbus infantis" mas ainda se paga por missas de valor algum para almas penadas. Também disseram que a salvação vem pela fé - que não mudou em nada a anatematização dos cânones contra os "irmãos" protestantes, ainda vigentes. Também condenaram "enriquecer rápido", mas e o luxo do Vaticano com o dinheiro alheio enquanto a igreja passa fome?

Não esqueçamos do quadro de "Jesus mulher negra do Brooklin", que foi exaltado pelo Vaticano, o inferno como "estado de espírito", dentre outras mazelas doutrinárias.

Mas falando de dinheiro o papa é uma piada. Um cara que vive na sua cadeira de Pedro, acima de todos, que visita com pompa os humildes, que vive com suas vestes de adornos preciosos, que é chefe de Estado e de igreja e estende sua influência inócua sempre pelo bem da "santa super hiper madre mega apostólica católica romana igreja ACME over the moon", tem moral para falar de alguma coisa quando, dizendo-se vigário de Cristo", disse "sim" a tudo aquilo que Jesus disse "não" quando o diabo o tentou: ao ego, à glória e poder dos homens, e à desobediência à palavra de Deus?

O papa é uma "sitcom" para mim. Só espero que os católicos e os crentes abram os olhos para sairem do domínio dos mercenários.

Abraço!

Avelar Jr.
www.nao-obrigado.blogspot.com

Guiomar Barba disse...

Amado vc é médico, precisaria trocar umas idéias c vc sobre um assunto sério e q nunca li nada sobre ele. Sei q n deve ter tempo p msn, mas se possível o meu é davidguiomar@hotmail.com Mas, antes se ainda n leu, leia por favor "Capacetes que Pensam" http://www.terra.com.br/istoe/edicoes/2060/artigo132848-1.htm"
Araço.

Levi Bronzeado disse...

Caro Avelar Junior

A santa Sé é o lugar mais suntuoso da face da terra, que os pregadores da Teologia da prosperidade secretamente adoram e querem o transportar para o nosso país.

Os tubarões da prosperidade estão em festa, com a declaração do papa, de que riqueza é bênçao, e capítalismo é o regime do céu.

A próxima catedral a ser construída aqui, quem sabe, deverá ter a opulência da casa de S. Pedro. Aguardemos!

Aqui eles já têm "a arca da aliança" toda banhada em ouro, tem o cajado de Moisés, tem as tábuas da Lei, tem os ramos das Oliveiras do Getsêmane, tem o manto santo e o monte santo, maquetes do rio Jordão, etc
A única diferença quanto aos ídolos, é que lá em Roma eles são explícitos, sob a forma de imagens de esculturas.
Ao passo que nos templos da prosperidade as imagens estão no interior de cada pessoa(por isso mais perigosa). Entre os ídolos estão Moisés, Abrãao, Davi e outros.

E, se é para escolher a pior idolatria, aponto esta (aparentemente invisível), que vive entronizada na mente doentia dos falsos adoradores da prosperidade.

A sociedade do Vaticano com os "prósperos" teólogos das terras de D. João VI, pode estar sutilmente começando.

Sai dela povo meu...

Abçs,
Levi B. Santos

Janela para cristo disse...

Paz do Senhor!

Fiz um novo post sobre a Inspiração Divina se puder dar uma passadinha em meu blog eu agradeceria muito!

http://janelaparacristo.blogspot.com

André de Oliveira
Janela Para Cristo