28 dezembro 2011

Pré-visões Republicanas Para o Brasil em 2012







JANEIRO de 2012:

Demissão em massa de todos os ministros de Dilma e admissão de novos, através de um concurso (sem vazamentos?) do ENEM. A prova consta de uma redação de 30 linhas com o tema sorteado, na hora, pela própria presidente. O candidato que apresentar textos ininteligíveis ou com mais de 20 erros ortográficos, perderá seus direitos políticos e diplomas por dez anos. Quem alcançar a maior nota será nomeado presidente da Casa Civil da Presidência.


FEVEREIRO de 2012:

Recesso dos três Poderes em Brasília, para o Carnaval, e Ressaca pós-folia.


MARÇO de 2012:

Deputados, senadores e ministros reprovados no concurso entram no STF com uma ação de inconstitucionalidade contra o ENEM, que deu a maior nota a um deputado que concluiu apenas o primeiro ano do ensino fundamental. Alegam os prejudicados que houve vazamento sobre o tema que a Presidente tiraria no sorteio a ser realizado pela Caixa Econômica Federal.


ABRIL de 2012:

Para tratar do vazamento do rumoroso concurso, o STF, em sessão extraordinária que durou três dias e meio, adia o julgamento do Mensalão “ad infinitum” pelo placar de 6 X 5. A votação foi desempatada pelo voto de minerva proferido pelo presidente da Casa.
Mensaleiros, vestidos com ternos verde-amarelos, comemoram com uma passeata pelas principais vias de Brasília.


MAIO de 2012:

Dilma tem uma medida provisória aprovada no Congresso Nacional, conseguindo a nomeação de dez notáveis sob a batuta do Sr. Sarney, para um ministério tampão, enquanto se investiga o que levou ao vazamento do tema da fatídica redação tirada no sorteio CEF/ENEM.


JUNHO de 2012:

Sarkozy, Ângela Merkel e Obama visitam o Brasil. O Congresso, por unanimidade, aprova a medida provisória transferindo o Governo Federal e sua equipe para Campina Grande - PB e Caruaru – PE, a fim de comemorar e mostrar aos nobres visitantes o maior São João do Mundo.


JULHO de 2012:

Ministério Público entra no STF com uma representação contra as empreiteiras contratadas pelo Governo Federal. O farto volume de documentos que pesa aproximadamente quase 200 quilos comprova, de forma irrepreensível, um superfaturamento em torno de 40% em todas as obras dos estádios brasileiros, sedes dos jogos da Copa do Mundo.


AGOSTO de 2012:

Numa reunião muito tumultuada, os representantes da FIFA foram humilhadamente ovacionados (chuva de ovos) quando decidiam a transferência da Copa do Mundo 2014, do Brasil para os EUA, devido ao não cumprimento do cronograma pré-copa. Neymar, Ganso, Galvão Bueno, Pelé, Ronaldinho e Ricardo Teixeira são consolados ao chorarem copiosamente diante das câmaras de TV. O país da “bola” está consternado, com bandeiras hasteadas a meio pau. “Que vergonha!” ― é o que mais se ouve nos meios de comunicação.


SETEMBRO de 2012:

Dilma sobe nas pesquisas de opinião, após o congresso aprovar a reforma política dissolvendo os partidos nanicos. É a volta do bipartidarismo: os “Contras” e os “a Favor”, isto é, os do “bem” contra os do “mal”, no mesmo molde como funciona nos EUA, entre “democratas” e “republicanos”. Já dizia o sábio bíblico, Salomão: “nada há de novo debaixo do sol”. Então, não custa nada lembrar os velhos tempos da ARENA e MDB.


OUTUBRO de 2012:

Governo reprime com força total o movimento pela legalização da corrupção que começa a pipocar nas grandes capitais. São presos três grandes empresários que confeccionaram mais de dez milhões de camisetas com o logotipo − “LEGALIZE-SE JÁ”.


NOVEMBRO de 2012:

Congresso aprova medida provisória que estende as UPPS do Rio de Janeiro a todas Capitais do país, onde o crescente movimento pelo “legalize-se já” faz perigar a segurança nacional.
Governo estimula o povo a poupar: os juros da caderneta de poupança passam a ser, agora, de 0,4% ao mês. Os juros do cartão de crédito baixam de 25% para 24%, ao mês. Os banqueiros festejam.


DEZEMBRO de 2012:

Todos Papais Noéis do mundo concentram-se no Brasil para comemorar a subida do país da “piada pronta” no ranking dos quatro gigantes do BRIC (bloco composto por Brasil, Rússia, Índia e China). Este posto foi alcançado, graças ao empréstimo brasileiro(sem juros) de 50 bilhões de dólares para o FMI sanar o déficit do seu caixa com a crise do EURO. O ministro, Mantega, comemora com pulos e  urros o grande passo do país rumo ao primeiro mundo.
Os habitantes de Teresópolis, Nova Friburgo, Niterói e adjacências saem às ruas para cobrar do governo as habitações e outras melhorias prometidas depois da devastação e dos desmoronamentos ―, conseqüência da inépcia dos poderes públicos ante as enchentes largamente previstas pela meteorologia na região, em 2010.


P.S.: Qualquer acerto no rol das profetadas proferidas, não será mera coincidência. (rsrs)


Por Levi B. Santos
Guarabira, 28 de dezembro de 2012

Site da Imagem: seraquefreudexplica.blogspot.com 

5 comentários:

Donizete disse...

Levi,

Piadas prontas são o que mais existem no Brasil. Um prato cheio para o José Simão. rsrs...

Aproveito o momento para desejar a você e seus familiares um feliz e próspero ano de 2012.

Abraços.

Eduardo Medeiros disse...

Cara, muito bom!!!! kkkkkkkkk

olha, transferir o governo para Campina Grande seria uma grande ideia!!!!!!

Levi, um feliz ano novo para você e família e que no próximo ano seus neurônios abençoados continuem a nos presentear com textos inteligentes e bem humorados como este.

abraços, amigo.

Levi Bronzeado disse...

Donizete e Edu


Lá dentro de mim ainda há uma nesga de esperança de que no ano de 2012 os líderes de nossa jovem república possam, enfim, dar exemplo de ética e de moral à juventude da qual meus três filhos e duas netas fazem parte.

Que o autor das risíveis pré-visões (nos meses de janeiro a dezembro vindouros) tire nota ZERO em suas profetadas republicanas. (rsrs)

Considero que foi muito boa e produtiva a nossa interação em todo decorrer do ano que se finda.

Espero que o nosso barco (herético?), que não é contra a carne nem contra o sangue, continue a navegar de vento em popa durante 2012, trazendo muitas novidades desse vasto oceano que é o Cérebro Humano.

Um abração sincero, e até Janeiro.

Marcus Vinicius disse...

Bom dia amado. Tentei republicar no meu face mas não consegui.

Tomara que você erre alguma coisa. Fica na paz.

Evaldo Wolkers disse...

Mestre Levi,

Espero que não entre para o rol dos falsos profetas com suas profetadas, rsrs.

Assim estarás sentado ao lado do Malafria, hauhau.

Abraços,

Evaldo Wolkers.